Blog

Seu plano de saúde negou ou limitou alguma cirurgia, exame, internação ou tratamento? Ele pode ser obrigado a pagar por isso e ainda te indenizar.

           

            Ter uma cirurgia negada num momento de emergência pode ser uma das piores sensações que um consumidor com plano de saúde pode passar, pois no momento em que mais precisa, fica refém de recusas ilegais por parte do plano de saúde, que, muitas vezes negam procedimentos de forma ilegal, ou seja, mesmo com previsão no contrato.

 

            Uma simples recusa ilegal pode representar a morte de um paciente, caso não haja tempo útil para ir atrás de uma segunda alternativa, como por exemplo o S.U.S.

           

            A solução para o problema é entrar com um pedido liminar na justiça para obrigar com que o plano de saúde arque com sua obrigação e realize o procedimento necessário. Outra saída para quem não tem este tempo todo seria arcar com o valor do procedimento (fazendo uso até mesmo de cheques) e depois exigir um ressarcimento dos valores ao plano de saúde.

 

            Para que hajam maiores chances de sucesso em casos como estes, é muito importante que o consumidor tenha um laudo médico de um especialista recomendado o procedimento em questão (cirurgia, exame, tratamento, internação, etc), a recusa do plano de saúde em realizar o procedimento recomendado pelo médico, além do contrato assinado entre as partes.

 

            Uma liminar em casos como este costuma demorar poucos dias para ser analisada, no entanto, o processo de recebimento da indenização por causa da recusa ilegal do plano de saúde demora cerca de 3 anos para que o consumidor possa então receber o valor devido.

 

            Caso tenha passado por algum problema com seu plano de saúde, ou conheça alguém que o tenha, saiba que há o direito a lutar por uma indenização, no entanto, como este é um processo complexo, busque sempre um profissional que esteja habituado a militar nesta área do direito do consumidor. Nosso escritório possui profissionais especializados nesta área há mais de 10 anos, que estão à disposição para atendê-los.

Erro ao enviar o e-mail
Email Enviado Com Sucesso!